Cadastre-se em nosso boletim semanal

Nome:
Email:
Cadastre-se e receba as atualizações do site

Evolução Desde o Marco Zero, e as Dificuldades Enfrentadas

Deus nos criou simples e ignorantes (Perg. 115 L.E). E, desde esse início, vamos passando, para o nosso aperfeiçoamento, por experiências de todos os tipos, fáceis, difíceis, agradáveis, desagradáveis. E na caminhada evolutiva, vamos levando os arquivos destas experiências; muitas dirigidas por nossos instintos animais, outras pela ignorância e egoísmo, que culminam com resultados negativos e marcas que ficam por tempos em nossos espíritos. Mas vamos seguindo a trajetória que Deus traçou para nós: - a da evolução (Todos os Espíritos estão destinados a evoluir, perg. 116 L.E).

Quando estamos na marca de construir conhecimentos importantes e salutares para nós e começamos a melhorar, erguendo valores e virtudes na alma, ainda temos que acertar muitos arquivos mal resolvidos do passado. Nessa hora já alegres por estarmos em nova fase, novos conhecimentos, podemos ter assédio dos defeitos registrados e trazidos de experiências anteriores. Tais defeitos ainda precisam ser compreendidos e resolvidos.

Kardec nos diz – temos um passado a corrigir e um presente a melhorar. E nessa hora ainda podemos ter as investidas de obsessores que querem nos derrubar com a ajuda dessas nossas imperfeições: - vícios enraizados, defeitos contumazes, maus costumes que vêm de um tempo remoto em nossa bagagem evolutiva. (No livro Libertação, de André Luiz, o mentor Gúbio nos diz que milhões de almas reencarnam seguidamente na Terra há dez mil anos, repetindo os mesmos padrões de comportamento, com pouca ou quase nenhuma melhora).

Nessa trajetória carregamos na mala das existências sucessivas (reencarnações) todo tipo de vivências que precisam ser recicladas, como um bom jardineiro recicla as plantas do seu jardim, retirando as ervas daninhas e deixando as boas.

Então, repetimos, nessa fase precisamos muito da fé, da confiança em Deus e muito empenho para nos ajudarmos a vencer as reminiscências ruinosas do passado. (E muitas estão calejadas, duras de serem removidas).

É difícil essa luta contra nossas deficiências? É, e muito. (Como diz Eça de Queiroz: - “nessa hora precisamos de compreensão, discernimento e equilíbrio, pois os momentos difíceis são testes para verificação do que aprendemos; se assim soubermos viver, se de cada experiência retirarmos o melhor para nós, nossas dificuldades serão vencidas num tempo menor”). É também nessa hora que podemos justificar a nós mesmos que estamos prontos para a prova da Melhora Íntima que todos nós necessitamos, para passarmos de Espíritos ainda ignorantes e cheios de defeitos para Espíritos esclarecidos e preenchidos de virtudes e valores positivos.

Esta é a hora, meus amigos, de começar a vencer essa luta. Vamos encará-la como um laboratório de aprendizado e aproveitar as experiências para dar o nosso passo rumo a um futuro melhor e mais feliz. (Principalmente agora que o Planeta está iniciando o processo de transição). Jesus está confiante em nossa melhora. Não vamos desapontá-lo. Depende de nós!

Curta e Compartilhe esse artigo no Facebook!