Cadastre-se em nosso boletim semanal

Nome:
Email:
Cadastre-se e receba as atualizações do site

Leandro Guerrini


Baluarte da Cultura Piracicabana, se destacou em diversas áreas da educação e cultura e no espiritualismo levado à prática semanalmente junto a sua esposa Jaçanã Altair Pereira, com visitas consoladoras às casas de enfermos. Gestos que geravam admiração na comunidade piracicabana.

Em março de 1945, Leandro Guerrini assumiu o cargo de primeiro secretário na União Espírita, devido à mudança de cidade de um dos membros da diretoria.

A partir de então, participaria de forma intensa dos trabalhos de divulgação do Espiritismo, assim como das lutas pela aquisição da sede própria e construção do educandário Nosso Lar.

Sua atuação foi marcante ao longo dos anos. Ocupou por diversas vezes os cargos de vice-presidente e primeiro secretário.

Em setembro de 1945, foi encarregado da direção da escola de pregadores, que funcionava aos domingos. Foi diretor do corpo cênico, juntamente com sua esposa Jaçanã Altair Pereira Guerrini, criado em 1949.

Ofereceu sua residência para a realização de chás beneficentes, para aquisição de recursos destinados a construção da sede da União.

Em 1957 elaborou um projeto que serviu de base à reforma dos estatutos sociais da Casa. Trabalhou ainda na elaboração dos estatutos do Nosso Lar.

Escreveu artigos para diversos jornais, realizou muitas palestras na União e em outros centros da cidade e da região.